Notícias

Governo discute ordenamento dos atrativos no Parque Estadual do Jalapão

13/01/2020 - Wladimir Machado/Governo do Tocantins

O Jalapão é uns destinos mais procurados pelos turistas que visitam o Tocantins durante o ano inteiro. O secretário da Indústria, Comércio e Serviços (Sics) e responsável pela Agência de Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), Tom Lyra, e o presidente Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), Sebastião Albuquerque Cordeiro, além de técnicos das pastas, estiveram reunidos nesta segunda-feira, 13, com objetivo de discutir o ordenamento dos atrativos do Parque Estadual do Jalapão para melhorar a qualidade dos serviços e o acolhimento dos turistas.

No encontro, foi discutida uma maior integração nas ações entre Adetuc e Naturatins a fim de organizar as ações conjuntas a respeito da fiscalização, segurança e cumprimento das normas para visitação nos atrativos, garantindo a preservação ambiental e mais conforto para os turistas que visitam o Jalapão.

Tom Lyra destacou a importância da realização de cursos para formação de brigadistas junto às empresas e agências que operam na área de turismo da região para cooperarem na prevenção de incêndios, além da orientação junto aos visitantes das normas para visitação, a exemplo da proibição da entrada de pets nas dunas e na fazenda Triago. “A ideia é reformar as observações de uso desses atrativos, além de realizar cursos de qualificação via Adetuc junto aos restaurantes para formação de chefes de cozinha de cidades da região do Jalapão a fim de oferecer um serviço gastronômico que atenda com satisfação os visitantes”, explicou.

Para o presidente do Naturatins, essas discussões são fundamentais, pois visam o compartilhamento de ideias para melhoramento das ações voltadas ao turismo sustentável. “Buscamos envolver os gestores municipais das cidades localizadas na região do Jalapão para que, juntos com o governo, possamos encontrar soluções para um ordenamento do turismo por meio de regulamentações de ações para garantir a segurança e preservação do meio ambiente, com intuito de obtermos resultados positivos para o Governo e satisfação aos visitantes dos atrativos do Jalapão”, considerou Sebastião Albuquerque Cordeiro.

Compartilhe esta notícia