Notícias

Agência de Saneamento busca viabilizar parceria com Companhia de Saneamento de Goiás

06/02/2019 - Lidiane Moreira/Governo do Tocantins

Na manhã desta quarta-feira, 6, a engenheira civil da Companhia de Saneamento de Goiás (Saneago), Juliana Matos de Sousa, palestrou, aos servidores da Agência Tocantinense de Saneamento (ATS), no auditório da sede do órgão, em Palmas.

A engenheira, funcionária de carreira da Saneago há 25 anos, é especialista em Planejamento e Gerenciamento de Recursos Hídricos, Direito do Saneamento e Gestão de Planejamento Urbano. Ela veio a Palmas a convite do presidente da ATS, Romis Alberto da Silva, que também é servidor de carreira da Saneago e está à frente da autarquia estadual desde dezembro de 2018.

Para o presidente, o intercâmbio entre Saneago e ATS traz ganhos importantes ao setor. “O objetivo é fortalecer a ATS, e uma parceria de cooperação técnica entre empresas de saneamento vem ao encontro das necessidades do setor. Vamos trabalhar para formalizar essa parceria, visando agregar conhecimento em soluções técnicas e burocráticas”, informou Romis Alberto.

Palestra

Durante a palestra, Juliana Matos expôs importantes aspectos históricos e sociais do saneamento básico no País, e tendências para o futuro como as Parcerias Público-Privadas (PPPs). Além disso, ela apresentou a importância do saneamento para promoção da sustentabilidade ambiental, social e econômica, do planejamento adequado e do diálogo com a comunidade para elaboração de políticas públicas eficientes. “Saneamento é saúde, é preservação, é trabalho, é educação, é cidadania, é turismo. Saneamento é vida”, definiu a engenheira. 

Sob o ponto de vista da crise hídrica, das mudanças climáticas, do crescimento demográfico e da cultura do desperdício, a perspectiva, de acordo com Juliana Matos, é que, em 35 anos, cerca de 5 bilhões de pessoas não tenham mais acesso à água. Por isso, a importância da contribuição dos profissionais do saneamento para uma gestão eficaz que compreende o planejamento, a fiscalização, a regulação e a prestação de serviços.

Compartilhe esta notícia