Notícias

Educação reúne diretores escolares no 1° Seminário de Líderes Educacionais

19/11/2019 - Josélia de Lima/Governo do Tocantins

A Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) realiza o 1° Seminário de Líderes Educacionais do Tocantins com a participação de 500 educadores, entre diretores das 449 escolas estaduais e técnicos da Seduc. É um momento de troca de experiências e de renovar os conhecimentos sobre gestão de pessoas e boas práticas educacionais. A secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar, e o secretário executivo, Robson Vila Nova, estão acompanhando todas as atividades.

O seminário, que teve início nesta terça-feira,19 , prossegue até esta quarta-feira, 20, no auditório da Escola Estadual de Tempo Integral Professora Elizângela Glória Cardoso, em Palmas. Para recepcionar os gestores escolares, um grupo de alunos da Escola Estadual Frederico Pedreira, de Palmas, apresentou o Guarda-Chuva Amarelo, um projeto premiado, que é realizado por estudantes, com a oferta de alternativas para ajudar os jovens a se sentirem motivados e melhorar a autoestima.

O educador Leandro de Souza Vieira, diretor de Gestão da Educação Básica, foi o primeiro palestrante do dia, ele abordou o tema Gestão que inspira. Leandro contou que, no Tocantins, encontrou uma gestora escolar que lhe inspirou muito, Ana Lúcia Lucca, diretora do Colégio Tocantins, de Miracema.

Leandro destacou o papel do gestor que inspira. “O diretor escolar deve conhecer as pessoas que fazem parte de sua equipe, deve desenvolver habilidades e comemorar resultados”, acrescentou. Ele explicou que os gestores escolares precisam ser referência emocional, psicológica e de apoio. “Precisamos de alguém que nos oriente, que nos dê um oi, que nos dê um abraço. Precisamos fazer juntos”, frisou.

Leandro falou da motivação, do monitoramento e da necessidade de a equipe gestora caminhar com os demais servidores da escola para que o resultado das transformações aconteça de forma coletiva.

A segunda palestrante do dia, a professora Leda Maria Tomazi Fagundes abordou o tema Escuta na Liderança, ou seja, escuta ativa, uma técnica importante para manter o diálogo e o bom relacionamento nos locais de trabalho, principalmente, na unidade escolar. Leda explicou que a escuta ativa representa uma forma de melhorar o desempenho da equipe e reduzir os conflitos presentes. “É preciso se preparar para ouvir, escolher um local e prestar atenção no que o outro está falando”, frisou.

Leda citou algumas características importantes relacionadas ao temperamento para se conhecer as lideranças, gestores e professores e saber lidar com as diferenças na gestão de pessoas. “É preciso conhecer os temperamentos dos nossos profissionais e prestar mais atenção”, frisou.

A secretária Adriana Aguiar explicou, aos gestores, que toda a programação do seminário foi planejada para proporcionar momentos de troca de experiências entre os gestores das diferentes escolas e técnicos da Seduc. “Este momento foi pensado para que o gestor saia motivado, empoderado, faça uma autoavaliação para que inicie o ano letivo de 2020 com novas ideias e estratégias”, explicou. O seminário tem como objetivo principal o alinhamento de ações para fortalecer o conjunto de atividades que norteiam as práticas educacionais, respeitando as especificidades de escolas e comunidades nas quais estão inseridas.

Conhecer outras realidades

A gestora Maria Otacília Oliveira, do Colégio Estadual Fulgêncio Nunes, da Comunidade Quilombola de Chapada de Natividade, ressaltou a importância do evento. “Este seminário tem uma abrangência grande e, aqui, estamos aprendendo mais, conhecendo diretores escolares das diferentes regiões do Tocantins. Está sendo uma excelente troca de experiências”, destacou. O Colégio Estadual Fulgêncio Nunes conta com 390 estudantes.

O diretor Ademir Kuriseri Javaé, da Escola Estadual Indígena Temanaré, de Formoso do Araguaia, uma instituição de ensino que conta com 102 estudantes, destacou as aprendizagens. “Estar aqui é uma ótima oportunidade para adquirir mais aprendizagem, principalmente sobre a BNCC [Base Nacional Comum Curricular], e poder conversar com outros gestores”, ponderou.

Ana Maria Lucca, do Colégio Tocantins, de Miracema, uma unidade escolar com 815 alunos matriculados, frisou a troca de ideias com outros colegas. “Acho que uma das coisas mais importantes na educação é o compromisso com a gestão participativa. Há uma troca de conhecimento com a equipe da própria escola, e este seminário está sendo fundamental para conhecermos outros gestores e as características de suas escolas”, comentou.

A diretora Rosilda Cardoso, da Escola Estadual Piaçava, uma unidade educacional do campo que conta com 126 estudantes, localizada no município de Nazaré, na regional de Tocantinópolis, destacou que irá compartilhar os temas do seminário com a sua equipe. “Está sendo um momento rico de conhecimento, que nos ajudará a direcionar a realização do nosso trabalho”.

Programação

O seminário prossegue no período da tarde, com a palestra Boas práticas de gestão, com a coordenadora do programa de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio de Tempo Integral Jovem em Ação, Maristélia Alves dos Santos.

A secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar, abordará a temática O papel do Diretor Escolar na estrutura organizacional da Seduc e às 16 horas, haverá um Talk Show Quem Educa, Faz!, com a coordenação do secretário executivo, Robson Vila Nova Lopes.

Na quarta-feira, 20, o seminário continua com a palestra denominada Liderança do diretor na escola pública, que será ministrada pelo professor Haroldo Correa Rocha, secretário executivo de Educação de São Paulo e às 10h30, haverá homenagens e premiações.

Compartilhe esta notícia