Notícias

Escolas intensificam projetos de fortalecimento da leitura e da escrita

16/04/2018 - Josélia de Lima/Governo do Tocantins

As escolas estaduais intensificaram, neste mês de abril, os trabalhos práticos relacionados à promoção da leitura e à interpretação de textos, visando estimular, nos alunos, o senso crítico e o conhecimento por meio da literatura. As unidades escolares apresentaram os projetos em forma de teatros, shows musicais, jograis e utilizaram espaços como Café literário, promovendo a aproximação dos alunos com os livros.

A equipe da Escola Estadual Darcy Ribeiro, localizada em Pugmil, promoveu um Café Literário com a turma do 9º ano do ensino fundamental. A professora de Língua Portuguesa, Sandra Gomes Coelho, explicou que o projeto teve o objetivo de incentivar a prática de leitura, a produção de textual, a criatividade e a comunicação.

A estudante Patrícia Coelho Cabral considerou o trabalho importante. “Aprendemos a falar com menos inibição e foi uma oportunidade de viajar pelo universo da leitura e adquirir novas aprendizagens”, disse.

A coordenadora pedagógica, Maria do Socorro Rodrigues Nogueira Coelho, esclareceu que o projeto teve início com a seleção dos livros, a leitura e as interpretações dos textos. “Esse tipo de trabalho ajuda a melhorar a postura dos alunos durante as apresentações e, além disso, o Café Literário proporcionou um momento de alegria e confraternização”, frisou.

Em Pedro Afonso

Em Pedro Afonso, a equipe do Colégio Estadual Cristo Rei realizou a apresentação da peça teatral O Auto da Barca do Inferno, de autoria do dramaturgo português, Gil Vicente, encenada pelos alunos do ensino médio.

Por meio do estudo do texto, os alunos tiveram uma aula interativa de literatura, sociologia, filosofia e educação fiscal. Os estudantes foram responsáveis por figurino e cenários.

O estudante William Martins de Oliveira comentou como foi representar um personagem da literatura clássica. “Foi uma das melhores experiências que já vivi no colégio e que marcou a minha vida”, disse.

“Essa peça teatral foi marcante para mim, aprendemos que existem muitos obstáculos na vida dos jovens, mas que Jesus é o caminho que nos mantém afastados dos vícios e dos problemas que a vida apresenta”, disse a aluna Wilmilene Chaves de Abreu.

Na escola, o trabalho foi realizado pelo professor Francisco de Assis Pereira do Nascimento. “Nossa proposta era que eles conhecessem um pouquinho da literatura do século XIV. Fizemos uma relação entre o moderno e o arcaico, o presente e o passado, e o resultado nos surpreendeu”, afirmou.

“O estudo intenso da obra de Gil Vicente foi realizado de forma criativa e dinâmica, proporcionando aprendizagem significativa dos conteúdos propostos”, enfatizou o coordenador pedagógico, Benigno Andrade Vieira.

Projeto Adote um aluno

A equipe da Escola Estadual Dr. Ulisses Guimarães, localizado em Esperantina, está realizando o projeto Lendo e Escrevendo – Adote um aluno, em que servidores adotam estudantes para realizar atividades de fortalecimento da leitura, no contraturno. Com esse projeto, estão sendo atendidos alunos do 4º e do 5º ano do ensino fundamental.

A coordenadora pedagógica Maria Zélia Barbosa Alves de Sousa esclarece que esse trabalho teve início após a aplicação da Avaliação Diagnóstica. “Com essa iniciativa, esperamos que esses alunos ampliem a capacidade de leitura e de interpretação e tenham a chance de desenvolver as habilidades destinadas à série que estão cursando”, informou.

Compartilhe esta notícia