Notícias

Mauro Carlesse destina mais de R$ 270 mil em incentivos à pesquisa

19/11/2018 - Jarbas Coutinho/Governo do Tocantins

“É por meio da pesquisa que vamos desenvolver o Tocantins e o Brasil”. Essa foi a principal mensagem do governador Mauro Carlesse na tarde desta segunda-feira, 19, durante a solenidade de entrega dos cartões BB pesquisa, no total de R$ 272.463,10. Por meio desses recursos, seis pesquisadores da Universidade Federal do Tocantins (UFT), selecionados na Chamada n° 01/2017, podem, a partir de agora, dar início a suas pesquisas.

Esses recursos são destinados ao incentivo à pesquisa no âmbito da ciência, tecnologia e inovação na saúde, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Tocantins (Fapt), e fazem parte do Programa de Pesquisa para o SUS (PPSUS). Os pesquisadores foram avaliados e selecionados pela Chamada Pública n° 01/2017. O programa é desenvolvido pela Fapt, em parceria com o CNPq, o Ministério da Saúde e a Secretaria de Estado da Saúde (SES), com o objetivo de desenvolver pesquisas que apontem soluções para problemas vivenciados no Sistema Único de Saúde (SUS) e, também, contribuir para a redução das desigualdades regionais no campo da ciência, tecnologia e inovação em saúde.

Mauro Carlesse disse que, ao longo dos anos, o setor não contou com incentivos dos gestores e reconhece que os recursos ainda são poucos, mas são um importante incentivo para esse setor fundamental para o desenvolvimento. “O dinheiro é pouco, mas é uma forma de incentivo. O que pudermos fazer, dentro das possibilidades do Governo, vamos contribuir. Estamos aqui para fazer com que esses estudos possam desenvolver cada vez mais”, afirmou.

O presidente da Fapt, Marcos Silveira, destacou o momento como único para o setor de pesquisa do Estado. “Até então não tínhamos visto uma solenidade desse porte para prestigiar os nossos pesquisadores. Esse é um gesto muito importante e estamos trabalhando para uma área que foi eleita pelo governador como prioritária. Estamos felizes em saber que o senhor é uma pessoa comprometida com o desenvolvimento do setor de pesquisa”, ressaltou.

Raimundo Wagner, um dos beneficiados com o cartão BB pesquisa, disse que os recursos vão contribuir com o Sistema Único de Saúde. “Esses recursos vão somar muito com o setor, que somados aos recursos federais, podem trazer grandes benefícios para o Tocantins”.

Projetos financiados

Foram beneficiados os pesquisadores Alex Sander Rodrigues Cangussu, Ary Henrique Morais de Oliveira, Bruna Alexandrino, Fabiano Mendes de Córdoba, Neilton Araújo de Oliveira e Raimundo Wagner de Souza Andrade, com os respectivos projetos: Desenvolvimento de uma ferramenta de análise geoespacial a partir dos dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan-TO) sobre os casos de hanseníase no Tocantins através de métodos e ferramentas de inteligência artificial; Programa de residência médica em saúde da família e comunidade promove melhoria na atenção básica da saúde?; Análises da susceptibilidade a antibióticos de bactérias multirresistentes (BMR) isoladas de Unidade Terapia Instensiva/UTI de Hospital Regional do Estado do Tocantins; Desenvolvimento de formulações de inseticidas biorracionais para controle de mosquistos vetores do zika vírus; Leishmaniose Visceral como problema de saúde pública no serviço de hemoterapia na região norte do Estado do Tocantins; e Distúrbios neurológicos tardios induzidos por deficiência de tiamina – investigação experimental.

Prestigiaram a solenidade o vice-governador Wanderlei Barbosa, os deputados estaduais Amélio Cayres, Vilmar Oliveira, secretários de Estado e pesquisadores.

Compartilhe esta notícia